26.8.11

















                                    foto.j.a.m.


... a luz da noite cai, cai como caiem as coisas graves do que existe .

A distância dos Universos,
curva-nos a voz 
chama-nos ao silêncio,
deixa-nos mAis


Com as asas acesas.
quando há uma estrela que espantámos em nós.

Sem comentários: